abril acabar acontecer admin afirmo agosto agradecer ah ai ajuda alegria algua alguma alheia almeida ama amar amor ansiedade aonica apegue-se appeared aprenda aprendendo aprender aproveite assunto ata banalizar boas ca cabe caminho capacidade capazes cicatrizes cintia coisas comeasso confianassa coraassapso coragem costas criar cuidado deixa deixar deixe delas depressapso desejo despedida desperte deus devemos dezembro dias dinheiro disposto doaassapso dor ego enfim ensina entapso errado erros escolhas escolher espinho espinhos espiritual esponja estamos estapso esteja estiver estresse existe existem existir fa faassa falando felicidade feliz felizes fev fevereiro ficar filtro fique first fiz flor forassa forte fosse frases frente fundo gente gilson gosta gostaria gratidapso ha heranassa idade importa importante ir iria ja jago jamais janeiro jesus julgamentos julho juliana junho juntas junto juntos la leia lhe liberdade lindas livre lo ma maio maneiras mantra mantras marasso medo melhor melhores mensagens mente mesmo mestre mim morte motivaassapso muda mudar mulheres mundo negatividade ningua nishiyama novembro olha olhar on oraassapso ouassa outubro ouvir pai palavras parede participar passa paz pensa pensamentos perdemos perguntas permanecer pertinvolzes pessoa pessoas pior post postado postagens pra precisa pria prio problemas provavelmente qualquer queira questaues quiser raiva real realmente refletir reflexapso relaassaues relacionamento relacionamentos respostas reze ria rias rio sa saber saiba seja sejam sejamos seletivos sentimento sentimentos sentir sera setembro sexo si simpatia sinais solidapso sozinho sucesso supere tamanho tamba tempo tenha the tipo toma torna total tra tristeza trofa universo utilidade valorizar vamos veja velho veneno verdade verdadeiro vida vive viver vontade vou

domingo, 12 de fevereiro de 2017

Você Entendeu? (Liderança)


Blog da Liderança – Marco Fabossi – Liderança, Coaching, StoryTelling, Motivação e Trabalho em Equipe – Marco Fabossi
11 de fev de 2017 22:12

  Dizem que certo dia Rui Barbosa chegou em casa, ouviu um barulho estranho no quintal e percebeu que havia um ladrão tentando levar os seus patos de criação. Ele então aproximou-se cuidadosamente do indivíduo e, surpreendendo-o quando tentava pular o muro com os patos, disse-lhe:

– Oh bucéfalo anácrono! Não o interpelo pelo valor intrínseco dos bípedes palmípedes, mas sim pelo ato vil e sorrateiro de profanares o recôndito da minha habitação levando meus ovíparos à sorrelfa e à socapa. Se fazes isso por necessidade, transijo; mas se é para zombares da minha elevada prosopopeia de cidadão digno e honrado, dar-te-ei com minha bengala fosfórica bem no alto do píncaro de tua sinagoga, e o farei com tal ímpeto que te reduzirei à quinquagésima potência, e cairás cadavérico que o vulgo denomina nada.

E o ladrão, confuso, respondeu:

– Dotô, eu levo ou deixo os patos?


As pessoas se comprometem com aquilo que conhecem e participam, portanto, se o líder não se preocupa em manter as pessoas informadas sobre o que acontece na organização, retém dados importantes para o bom andamento das atividades, repassa informações incompletas, parciais ou contraditórias, não alinha objetivos e metas, não transfere conhecimento, não dá feedback sincero e honesto para as pessoas, enfim, se o líder é um mal comunicador, como pode esperar que as pessoas estejam comprometidas?

Os líderes são a principal mídia de comunicação de uma organização, por isso, sua disposição, vontade e habilidade em estabelecer uma boa comunicação, impacta diretamente as relações, o clima organizacional, o nível de comprometimento das pessoas e, consequentemente, os resultados.

Mas a comunicação é uma "via de mão dupla", por isso, mais do que "falar", é preciso interagir com aqueles que participam da comunicação, e um dos erros mais comuns que cometemos ao comunicar algo importante, é perguntar ao final de uma explicação: "Você entendeu?". O que as pessoas geralmente respondem à essa pergunta é "Entendi"; e no final, o que geralmente acontece é que o entendimento delas é um pouco diferente daquilo que se tentou comunicar.

Independentemente das razões que provocam essas distorções numa comunicação, existe uma maneira muito simples de diminuir este problema; em vez de perguntar "Entendeu?" ao final de uma explicação, pergunte "O que você entendeu?". Dessa forma as pessoas podem interagir durante a comunicação e expor aquilo que entenderam sobre o que você disse, permitindo que os devidos ajustes sejam feitos, caso necessário.

Entendeu? Opa, desculpe… O que você entendeu?

Um Grande Abraço,

Marco Fabossi

Leia também:
Falar é importante. Ouvir é Fundamental (Liderança)

livro3a-capa-site

Coração de Líder  A Essência do Líder-Coach  3a Edição - Revisada e Ampliada    Agora também em Áudiolivro  Clique e Adquira o seu Livro ou AudioLivro  

 

Inscreva-se no Blog da Liderança e receba semanalmente os textos de Marco Fabossi
 
.Marco Fabossi
Marco Fabossi é Sócio-Diretor da Crescimentum, a mais completa empresa de formação de líderes do Brasil.
Crescimentum – A Evolução da Liderança
.
Livro Coração de Líder
Adquira o livro Coração de Líder – A Essência do Líder-Coach em
coracaodelider.com.br
 
Os Melhores Livros de Liderança dos Últimos Tempos
Conheça os melhores Livros de Liderança
 
Líder do Futuro
O melhor programa de formação de líderes do Brasil
Líder do Futuro – A Transformação em Líder-Coach
.
Vídeos sobre Lideranca e Motivação
Vídeos – Liderança e Motivação
 
Blog da Liderança
Textos sobre Liderança, Motivação, Trabalho e Equipe e Coaching
Os Melhores Textos sobre Liderança